Categories
Coletâneas

Cartola bate outra vez – Vol. 2

Cartola bate outra vez – Vol. 2 – Vários intérpretes (Som Livre, 2008)

Em 1988, foi produzido o álbum Cartola, bate outra vez, onde diversos grandes nomes da MPB regravaram 12 das mais famosas canções de sua obra. O disco foi um sucesso e nunca parou de vender. Eis que 20 anos depois temos este segundo volume com mais 14 sambas para homenagear seu centenário, compilando registros históricos que vão dos anos 70 aos dias atuais. Rodrigo Faour

1. Alvorada – Maria Bethânia e Hermínio Bello de Carvalho
2. Divina dama – Chico Buarque
3. Basta de clamares inocência – Elis Regina
4. Festa da vinda – Cauby Peixoto e Zeca Pagodinho
5. Não quero mais a mar a ninguém/ Peito vazio/ Acontece – Emílio Santiago
6. O inverno do meu tempo – Elizeth Cardoso
7. Sim – Nelson Gonçalves
8. Tempos idos (ao vivo) – Paulinho da Viola e Toquinho (violão)
9. Qual foi o mal que eu te fiz? – Dona Inah
10. Ensaboa – Ney Matogrosso
11. Labaredas – Joanna
12. Eu sei – Alcione e Cartola
13. Que sejam bem-vindos – Beth Carvaho
14. Que seja bem feliz – Clara Nunes

Seleção de repertório e textos: Rodrigo Faour

Categories
Coletâneas

Cartola – Série "Maxximum"

Cartola – Série “Maxximum” (SonyBMG, 2006)

Um dos fundadores da legendária Estação Primeira de Mangueira, Cartola já tinha seus sambas gravados por gente como Carmen Miranda e Francisco Alves desde os anos 30. Mas foi a partir dos anos 60 que sua carreira engrenou, em parte pelo sucesso do seu restaurante Zi-Cartola, que congregava a nata da intelectualidade brasileira, no Centro do RJ. Pouco depois, nos anos 70, ele finalmente chegaria aos estúdios de gravação e ao reconhecimento tardio de sua genialidade, tendo a chance de gravar quatro LPs, sendo que os dois últimos pela antiga RCA Victor (atual SonyBMG) – de onde foram extraídas a maioria das faixas desta compilação. De quebra, este CD traz a raríssima Meu amigo Cartola – uma homenagem ao poeta com participação do mesmo, gravada por Eliana Pittman, em 1978. Rodrigo Faour

1 Autonomia (Cartola) (1977)
2 Verde que te quero rosa (Cartola/ Dalmo Castelo) (1977)
3 Grande Deus (Cartola) (1977)
4 Pranto de poeta (Nelson Cavaquinho/ Guilherme de Brito) (1977)
5 Escurinha (Geraldo Pereira/ Arnaldo Passos) (1977)
6 Que é feito de você (Cartola) (1977)
7 Tempos idos (Cartola/ Carlos Cachaça) (1977)
8 Desta vez eu vou (Cartola) (1977)
9 O inverno do meu tempo (Cartola/ Roberto Nascimento) (1979)
10 Ciência e arte (Cartola/ Carlos Cachaça) (1979)
11 Senões (Cartola/ Nuno Veloso) (1979)
12 A cor da esperança (Cartola/ Roberto Nascimento) (1979)
13 A mesma estória (Elton Medeiros/ Cartola) (1979)
14 Fim de estrada (Cartola) (1979)
15 Enquanto Deus consentir (Cartola) (1977)
16 Nós dois (Cartola) (1979)
17 Meu amigo Cartola (Roberto Nascimento) – com Eliana Pittman (1978)

Pesquisa de repertório: Rodrigo Faour
Coordenação da série: Flávio Pinheiro
Categories
Coletâneas

Beth Carvalho Canta Cartola

Beth Carvalho Canta Cartola (BMG, 2003)

Uma de nossas maiores sambistas de todos os tempos, a carioca Beth Carvalho lançou ao sucesso um dos maiores clássicos de nossa música, o samba As rosas não falam, em 1976, popularizando ainda mais a obra do grande baluarte do samba carioca, o mestre Cartola (1908-1980) – que, apesar de seu imenso valor, só se tornou realmente famoso nos seus últimos anos de vida. Este CD é uma compilação de 12 sambas do compositor – na maioria lentos, repletos de lirismo e melancolia – que a cantora gravou entre 1976 e 2000. Rodrigo Faour

1. As rosas não falam (Cartola) (1976)
2. Que sejam bem-vindos (Cartola) (1978)
3. Consideração (Cartola/Heitor dos Prazeres) (1980)
4. Camarim (Cartola/Hermínio Bello de Carvalho) (1982)
5. Cordas de Aço (ao vivo) (Cartola) (1991)
6. Amargo presente (Cartola) (1983)
7. Espero por ti (Cartola/Regina Werneck) (1986)
8. Corra e olhe o céu (Cartola/Dalmo Castelo) (1984)
9. O sol nascerá (Cartola/Elton Medeiros) (1988)
10. Acontece (ao vivo) (Cartola) (2000)
11. Motivação (Cartola/Dalmo Castelo) (1981)
12. O mundo é um moinho (Cartola) (1977)

Opinião da imprensa

Revista Veja – Coluna “Veja recomenda”

O Globo – Coluna “Gente boa” – Joaquim Ferreira dos Santos

Site O Fuxico

O Globo – João Pimentel

Site Universo Musical – Marcus Bin

Categories
Coletâneas

Alcione e amigos

Alcione e Amigos (BMG, 2004)

Este CD traz duetos pouco óbvios da discografia de Alcione, onde ela mostra competência e versatilidade nos mais variados gêneros musicais, seja em diversos tipos de samba, como também no forró no pop e até mesmo cantando em inglês um irresistível Cry me a river. Os duetos são bastante interativos, longe da frieza que muitas vezes unem dois artistas somente por questões comerciais. Que o digam as deliciosas faixas em que canta com Mussum, Jair Rodrigues e Roberto Ribeiro, só para citar três. Rodrigo Faour

1 – Não deixe o samba morrer (Edson/Aloísio) /
Leva meu samba (Ataulfo Alves) /
É luxo só (Ary Barroso/Luiz Peixoto) – com Jair Rodrigues (1998)
2 – Onde o Rio é mais baiano (Caetano Veloso) – com Caetano Veloso (1994)
3 – Roda ciranda (Martinho da Vila) – com Maria Bethânia (1984)
4 – Louco (Ela é seu mundo) (Wilson Batista/Henrique de Almeida) – com Nelson Gonçalves (1984)
5 – Eu sei (Cartola) – com Cartola (1980)
6 – Água benta (Sombrinha/Ratinho) – com Mussum e Alexandro (1983)
7 – A voz de Deus (Arlindo Cruz/Acyr Marques/Franco) – com Grupo Raça, Dicró, Marquinhos Satã, Roberto Ribeiro e Zeca Pagodinho (1989)
8 – Entre amigas (Michael Sullivan/Paulo Massadas) – com Núbia Lafayette (1985)
9 – Impossível Recomeçar (Anézio/Vera Lúcia/Wilson Bombeiro) – com mestre Marçal (1989)
10 – Violão e voz (Ana Carolina) – com Ana Carolina (2001)
11 – Doido pra vadiar (Jorge de Altinho) – com Jorge de Altinho (1987)
12 – Mel pra minha dor (Nelson Rufino/Avelino Borges) – com Roberto Ribeiro (1988)
13 – As rosas não falam (Cartola) – com voz de Altemar Dutra (1992)
14 – Cry me a river (Arthur Hamilton) – com Fernando de Carvalho (2000)

Projeto, seleção de repertório e textos: Rodrigo Faour
Produção executiva: Adriana Ramos
Coordenação de produção: Flávio Pinheiro

Opinião da imprensa

O Globo – João Pimentel

Site Universo Musical – Marcus Bin