Categories
Reedições

Elis Regina – Os Primeiros anos [Viva a brotolândia (1961) / Poema do amor (1962)]




Elis Regina – Caixa “Os Primeiros Anos” (Som Livre/Globo Warner, 2006)

Esta caixinha traz a reedição em CD dos dois primeiros LPs da cantora Elis Regina (1945-1982) – Viva a brotolândia (1961) e Poema de amor (1962), quando ela ainda cantava roquinhos, calypsos, sambalanços e canções infanto-juvenis em geral entre os 15 e 17 anos, mas já com a dicção, a divisão rítmica e a voz que a celebrizou a partir de 1964/65, quando começou a entoar e a fazer sucesso estrondoso cantando o melhor da MPB de seu tempo. Ver: verbetes dos discos em separado. Rodrigo Faour


Elis – Os Primeiros Anos (Caixa com 2 CDs)

Viva a brotolândia (1961)
1. Dá sorte
2. Sonhando (Dreamin’)
3. Murmúrio
4. Tu serás
5. Samba feito pra mim
6. Fala-me de amor (Take me in your arms)
7. Baby face
8. Dor de cotovelo
9. Garoto último tipo (Puppy love)
10. As coisas que eu gosto (My favorite things)
11. Mesmo de mentira
12. Amor, amor (Love, love)

Poema de amor (1962)
1. Poema
2. Pororó-popó
3. Dá-me um beijo (kiss me, kiss me)
4. Nos teus lábios
5. Vou comprar um coração
6. Meu pequeno mundo de ilusão (My little córner of the world)
7. As secretárias (Las secretarias)
8. Saudade é recordar
9. Pizzicati pizzicato
10. Canção de enganar despedida
11. Confissão
12. Podes voltar

Projeto idealizado por Rodrigo Faour
Diretor de marketing estratégico: Marcelo Maia
Gerente de marketing estratégico: Gian Ucello

Opinião da imprensa

O Globo – Antonio Carlos Miguel

Categories
Reedições

Maria Alcina (1974)

Maria Alcina (1974) (Warner Music, 2002)

Esta é a reedição em CD do segundo LP da exótica Maria Alcina, que trazia a mesma boa mistura do primeiro disco e lançou ao sucesso o samba Kid cavaquinho, de João Bosco e Aldir Blanc. Há ainda faixas bônus de dois compactos de Alcina, incluindo a legendária Fio maravilha, de Jorge Ben, do tempo dos festivais. Rodrigo Faour

1.Tome polca
2. Beguine dodói
3. Piano alemão (Wir wir wir haben ein klavier)
4. Como se não tivesse acontecido nada
5. Foi-se o que era doce
6. Kid cavaquinho
7. Mulher, mulher
8. Amigos novos e antigos
9. O anjo do bem e do mal
10. Carmila
11. Terceiro ato
BONUS TRACKS
12. Camisa 10 da Gávea
13. Sonhar com rei dá leão
14. Charles Jr.
15. Fio Maravilha
16. Fio Maravilha (Remix) (Nond Voz Edit)
17. Fio Maravilha (Remix) (Nond Club Mix)

Produzido originalmente por Mauro Furtado
Reedição (com faixas bônus) produzida por Rodrigo Faour e Carlos Sion

Opinião da imprensa

O Dia – Eusébio Galvão

Jornal do Brasil – Silvio Essinger

Folha de S. Paulo – Pedro Alexandre Sanches

O Dia – Nota – Mauro Ferreira

Categories
Reedições

Maria Alcina (1973)

Maria Alcina (1973) (Warner Music, 2002)

Revelada no quinto e último Festival da Canção, de 1972, cantando Fio Maravilha, a exótica Maria Alcina chocou muita gente com sua voz masculina e suas fantasias a ponto de até hoje ter gente que acha que ela é um travesti. Esta reedição de seu primeiro e ótimo LP de 1973 traz um resumo do que a cantora sabia fazer de melhor: recriação de sambas e marchas carnavalescas de antanho (como “Alô, alô”, sucesso de Carmen Miranda, que voltou ao sucesso em sua voz), músicas bem teatrais e outras de vanguarda. De quebra, há como faixas bônus, faixas de três compactos simples, incluindo a tropicalista Mamãe coragem, de Caetano Veloso. Rodrigo Faour


1. Alô, alô
2. Como vaes você
3. Maria Boa
4. Os ciganos
5. Mulher rendeira
6. A voz da noite
7. Me dá… me dá
8. No dia em que eu vim-me embora
9. Por ti eu me rasgo todo (Por vos yo me rompo todo)
10. Anjo marinho
11. Paraíba
BONUS TRACKS
12. Azeitonas verdes
13. Mamãe, coragem
14. Coração
15. Seu Jacinto
16. Boquinhas pintadas
17. Xuxu beleza
18. Paraíba (Remix) (Nond Voz Edit)

Produzido originalmente por Walter Silva
Reedição (com faixas bônus) produzida por Rodrigo Faour e Carlos Sion

Opinião da imprensa

O Dia – Eusébio Galvão

Jornal do Brasil – Silvio Essinger

Folha de S. Paulo – Pedro Alexandre Sanches

O Dia – Nota – Mauro Ferreira

Categories
Reedições

Luiz Gonzaga & Carmélia Alves – Espetáculo das Seis e Meia (ao vivo)

Luiz Gonzaga & Carmélia Alves – Espetáculo das Seis e Meia (BMG, 2005)
De 14 a 18 de março de 1977, os reis do baião Luiz Gonzaga (1912-1989) e Carmélia Alves (1923-_) realizaram no Teatro João Caetano (RJ) um show antológico que marcou a reabertura do legendário Projeto Seis e Meia. Este inédito encontro da dupla nos palcos resultou num LP de apenas 35 minutos, com 12 músicas. Agora, ele volta ao mercado em sua versão integral, com 25 números. Uma viagem pela alegria, melancolia e brejeirice dos ritmos nordestinos guiada com maestria pelos ícones do gênero. Rodrigo Faour

Em negrito estão as inéditas em CD:

1. Vira e Mexe (instrumental) (Luiz Gonzaga) /
Xamego (Luiz Gonzaga/Miguel Lima) – canta: Luiz Gonzaga
2. Baião (Luiz Gonzaga/Humberto Teixeira) – canta: Luiz Gonzaga
3. Fulô da maravilha (Luiz Bandeira) – Luiz Gonzaga
4. Asa branca (Luiz Gonzaga/Humberto Teixeira) /
A volta da Asa Branca (Luiz Gonzaga/Zé Dantas) –Luiz Gonzaga
5. Reis do baião (Luiz Gonzaga/Luiz Bandeira) – Luiz Gonzaga & Carmélia Alves
6. Trepa no coqueiro (Ary Kerner) – Carmélia Alves
Qui nem jiló (Luiz Gonzaga/Humberto Teixeira) – Carmélia Alves
No Ceará não tem disso não (Guio de Moraes) – Carmélia Alves
7. Baião de dois (Luiz Gonzaga/Humberto Teixeira) – Carmélia Alves
Kalu (Humberto Teixeira) – Carmélia Alves
8. Forró de Mané Vito (Luiz Gonzaga/Zé Dantas) – Luiz Gonzaga & Carmélia Alves
9. Légua tirana (Luiz Gonzaga/Humberto Teixeira) – Luiz Gonzaga
10. Fala de Luiz Gonzaga /
Juazeiro (Luiz Gonzaga/Humberto Teixeira) – Luiz Gonzaga
Pau-de-arara (Luiz Gonzaga/Guio de Moraes) – Luiz Gonzaga
11. Boiadeiro (Klecius Caldas/Armando Cavalcanti)/
Vozes da seca (Luiz Gonzaga/Zé Dantas) – Luiz Gonzaga
12. Lorota boa (Luiz Gonzaga/Humberto Teixeira) – Luiz Gonzaga & Carmélia Alves
13. Sabiá lá na gaiola (Hervê Cordovil/Mário Vieira) /
Cabeça inchada (Hervê Cordovil) – Carmélia Alves
14. Último pau-de-arara (Venâncio/Corumbá) – Carmélia Alves
Maria Joana (Luiz Bandeira) – Carmélia Alves
15. Viola de penedo (Luiz Bandeira) – Carmélia Alves
16. Dezessete e setecentos (Luiz Gonzaga/Miguel Lima) – Luiz Gonzaga & Carmélia Alves

Inclui texto com curiosidades inéditas sobre o show e a carreira dos Reis do Baião

Reedição em CD:
Produção executiva: Adriana Ramos e Rodrigo Faour
Coordenação de produção: Flávio Pinheiro
BMG – 2004 / LP originalmente gravado em 1977 (direção de estúdio de Sérgio Cabral)

Opinião da imprensa

O Dia – Mauro Ferreira

Jornal do Brasil – Tárik de Souza