Categories
Televisão

3ª temporada do História sexual da MPB se encerra neste domingo, dia 4/8, com As Frenéticas

Amigos, o que é bom dura pouco. Foi um prazer ter tantos entrevistados ilustres nesta temporada do meu programa História sexual da MPB, no Canal Brasil. E neste domingo, dia 4/8/2013, às 21h, terei a meu lado Dhu Moraes, Leiloca, Lidoka e Sandra Pêra, quatro das seis integrantes originais do grupo As Frenéticas, que nos anos 70 e início dos 80, fizeram história com suas canções irreverentes e transgressoras. Tudo a ver com o desbunde comportamental daqueles tempos.

Frenéticas Lidoka, Faour, Sandra Pêra e Dhu Moraes
Lidoka, Rodrigo Faour, Sandra Pêra e Dhu Moraes nos bastidores do programa “História sexual da MPB”
Leiloca, Rodrigo Faour e Dhu Moraes (Frenéticas)
Leiloca, Rodrigo Faour e Dhu Moraes: momentos frenéticos

Quero agradecer também o carinho de Leny Andrade, João Bosco e Zezé Motta, meus entrevistados anteriores, que “abrilhantaram” meu programa “História sexual da MPB”.

o pianista João Carlos Coutinho e LENY ANDRADE com Rodrigo Faour
O pianista João Carlos Coutinho, ao fundo, e Leny Andrade, com Rodrigo Faour no programa “História sexual da MPB”
Rodrigo Faour e João Bosco
Rodrigo Faour e João Bosco no Studio RJ, onde gravaram o programa “História Sexual da MPB”
Rodrigo Faour e Zezé Motta no programa História sexual da MPB, Canal Brasil
Rodrigo Faour se divertindo com sua entrevistada, Zezé Motta, em seu programa no Canal Brasil

 

5 replies on “3ª temporada do História sexual da MPB se encerra neste domingo, dia 4/8, com As Frenéticas”

O programa é excelente. O entrevistador apaixonante. Os convidados são muito bem escolhidos. O bate papo é tão descontraído, que parece acontecer na sala da casa da gente… Enfim, gosto de tudo no programa. Parabéns a todos os envolvidos nessa produção. Muito colaboraram com minha bagagem cultural musical. Saio desse programa mais culta, musicalmente falando. Grande beijo no coração de todos. Valeu!

Olá Rodrigo!

Este encontro deve ter sido maravilhoso! De acordo com o site “Ângela Maria Sapoti” (http://www.angelamariasapoti.com/discografia/epoca_faixas_musicais.htm), a Ângela gravou um disco em espanhol pela gravadora UA Latino. Você poderia me informar se esta informação procede? Se sim, este disco é raríssimo. Ao menos sei que ela gravou um compacto em espanhol, que inclusive esta à venda no Ebay. Mas você saberia me dizer se ela gravou um disco inteiramente em espanhol? Tomara que sim. E tomara também que um dia este disco seja lançado aqui no Brasil, e que seja por tuas mãos. Abraço e aguardo por resposta sobre esse mistério.

Oi querido, desculpe a demora. Realmente gravou, é raríssimo. Do jeito que as gravadoras estão, acho complicado reeditar qualquer coisa assim atualmente. Mas se tiver chances, o farei. Abraços!

MEUS PARABÉNS PELO QUE FAZ PELA NOSSA MÚSICA.
TENHO COMPRADO TUDO REEDITADO.
A ETERNA NUBIA LAFAEYTTE, NUNCA REEDITARAM EM CD, UM DISCO DE CARREIRA.
CONTINUE COM ESSE TRABALHO EXTRAORDINÁRIO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *