Categories
Coletâneas

O Melhor da MPB – Série "Maxximum"

O Melhor da MPB – Série “Maxximum” (SonyBMG, 2006)

A sigla MPB é muito vasta. Hoje em dia ela congrega canção, valsa, choro, samba, forró, pop/rock, regionalismos em geral, enfim, tudo isso é música popular feita no Brasil. Esta coletânea tentar dar uma geral neste tamanho ecletismo, trazendo ícones de várias de suas vertentes, incluindo algumas raridades, tais como a gravação original de Sabiá, com Cynara e Cybele, o registro de Andança, feito por seu co-autor Danilo Caymmi (com Vânia), ambos de 1968. Há ainda a latinidade-pop da cantora/atriz Tânia Alves na salsa Tanta saudade, de Djavan e Chico Buarque. Rodrigo Faour

1 Anos dourados (Tom Jobim/ Chico Buarque) – Maria Bethânia (1986)
2 Tanta saudade (Djavan/ Chico Buarque) – Tânia Alves (1985) (*)
3 Amor covarde (Alceu Valença) – Alceu Valença (1986)
4 Tema de amor de Gabriela (Tom Jobim) – Gal Costa e Tom Jobim (1983)
5 Manias (Flávio Cavalcanti/ Celso Cavalcanti) – Alcione (1995)
6 Futuros amantes (Chico Buarque) – Chico Buarque (1993)
7 Promessa de Gantois (Mateus/ Dadinho) – Os Tincoãs (1976) (*)
8 Treze de dezembro (Luiz Gonzaga/ Zé Dantas/ Gilberto Gil) – Elba Ramalho (1996)
9 Bebadosamba (Paulinho da Viola) – Paulinho da Viola (1996)
10 O ronco da cuíca (João Bosco/ Aldir Blanc) – João Bosco (1976)
11 Andança (Edmundo Souto/ Danilo Caymmi/ Paulinho Tapajós) – Danilo Caymmi e Vânia (1968) (*)
12 Sabiá (Tom Jobim/ Chico Buarque) – Cynara e Cybele (1968) (*)
13 Paralelas (Belchior) – Vanusa (1975)
14 Maré mansa (Martinho da Vila/ Paulinho da Viola) – Eliana Pittman (1974) (*)
15 Otália da Bahia (Antonio Carlos/ Jocafi) – Maria Creuza (1977)
16 Águas de março (Tom Jobim) – Zé Ramalho e Tetê Espíndola (2003)

(*) raridades

Pesquisa de repertório: Rodrigo Faour
Coordenação da série: Flávio Pinheiro e Marcus Fabrício

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *